Ancilóstomos

Ancilostomídeos são parasitas intestinais pequenos, parecidos com uma linha, que se aderem à parte interna do intestino e sugam grandes quantidades de sangue. Estes parasitas são encontrados em quase todas as partes do mundo, sendo comum em cães e ocasionalmente em gatos.

Os sintomas são normalmente diarreia e perda de peso. Os parasitas conseguem sugar tanto sangue que chegam a causar mucosas pálidas por anemia e fezes escurecidas. Filhotes jovens podem ser afetados tão severamente que podem morrer. A infecção ocorre por ingestão de leite infectado da mãe, ingestão de ovos infectantes ou por penetração ativa na pele, pela larva infectante.

Como os parasitas adultos são muito pequenos, eles raramente são vistos nas fezes. O diagnóstico desta parasitose ocorre quando o laboratório encontra os ovos microscópicos deste parasita nas fezes do animal.

Existem vários medicamentos capazes de matar os ancilostomídeos. O que importa é compreender que não existe um único tipo de medicamento que irá matar todos os parasitas intestinais que existem. Alguns dos medicamentos dados para a proteção do Verme do Coração também exterminam os ancilostomídeos.

Pessoas expostas aos ancilostomídeos podem desenvolver uma erupção de pele chamada de Larva Migrans Cutânea. Larvas infectantes, geralmente de quintais contaminados, podem penetrar na pele humana e causar tratos avermelhados.